Mãe e padrasto são acusados da morte de garoto autista após sequência de maus-tratos

  • Post category:NOTÍCIAS

O falecimento do pequeno Luiz Carlos Tinoco, de apenas 9 anos de idade, causou uma grande comoção no país.

Mãe e padrasto são acusados da morte de garoto autista após sequência de maus tratos – Vídeo

Isso porque o garotinho sofria de maus-tratos de forma rotineira, e foi isso que acabou tirando sua vida.

De acordo com as primeiras informações divulgadas pelas Polícia Civil do Amazonas, o garotinho tinha autsimo e foi torturada pelas pessoa que você menos imaginaria, que o padastro, Henrique Coelho e a mãe Débora Lima.

A delegada que está investigado o caso é Joyce Coelho e deu uma entrevista na coletiva que levou os suspeitos a serem detidos.

Segundo as informações, o garoto havia dado entrada em uma unidade de saúde e os pais alegaram que ele havia caído e sofrido uma queda no banheiro

Ainda foi dito que o garotinho começou a passar mal durante a noite e foi aí que os responsáveis decidiram levar ele ao hospital, onde foi constatado que a criança havia falecido. As autoridades colheram muitos depoimentos e ficou esclarecido que a mãe do garoto, cometia maus-tratos contra ele.

O laudo médico mostrou que Luiz faleceu após sofrer hemorragia em órgãos internos, hemorragia essa, que foi causada por lesões.

A delegada afirmou que parecia que os maus-tratos eram frequentes e o menino tinha machucados nos cotovelos, joelhos, fígado, pescoço e estava com o baço rompido.”Parece mesmo maus-tratos constantes. Ele tinha machucados nos joelhos, nos cotovelos, baço rompido”, disse ela em um trecho da entrevista.