Mãe desabafa após reconhecer o corpo da filha em Petrópolis

  • Post category:NOTÍCIAS

A cidade de Petrópolis, localizada região Serrana do Rio de Janeiro ficou devastada após um forte temporal atingir a cidade, ocorreu enchentes e deslizamentos de terra na última terça-feira, 14.

Mãe desabafa após reconhecer o corpo da filha em Petrópolis

O Brasil todo se uniu em sentimento de solidariedade depois da confirmação de inúmeras mortes e de pessoas que precisaram deixar suas casas devido aos riscos.

A forte chuva que atingiu a cidade deixou um imenso rastro de tristeza com o óbito de mais de 60 pessoas e inúmeros pessoas feridas, dentre as vítimas fatais, está a filha de uma mulher que deixou todo o país comovido ao ser vista cavando o local cheio de barro com uma enxada, tentando achar seus familiares soterrados.

Na tarde de quarta-feira, Gizelia de Oliveira, 36, recebeu uma das piores notícias que poderia receber, a morte de sua filha foi confirmada. A filha dela, Maria Eduarda Carminate de Carvalho tinha apenas 17 anos.

Duda como era chamada pela mãe e por familiares, faleceu no auge de sua juventude, uma jovem com muitos planos e sonhos interrompidos. A mãe entrou em desespero.

Dona Gizelia ficou emocionada ao contar que o corpo da filha foi achado abraçado com o de sua madrinha, ambas sentadas em um sofá.

Além de Tania, que era a madrinha da jovem, o corpo de uma criança de 1 ano também foi achado no local.

Contando com mais de 16 mil seguidores em seu perfil do Instagram, a jovem era bastante querida por todos, gostava de estudar, trabalhava.

Além de manter os estudos, Duda também trabalhava em um Salão de Beleza e ainda conseguia encontrar tempo para dedicar-se a suas redes sociais, onde atuava como influencer.