Homem que matou esposa grávida horas antes do parto recebe um duro castigo

  • Post category:NOTÍCIAS

Uma jovem, grávida de 9 meses, foi morta horas antes do parto do segundo com um tiro na nuca por seu marido identificado como Adilson Prado Lima Júnior.

Homem que matou esposa grávida horas antes do parto recebe um duro castigo

O caso aconteceu na cidade de Serrinha, localizada no interior da Bahia, que fica a cerca de 180 hm de Salvador, capital do estado. Daiane Reis Mota, de 25 anos, foi morta no dia 17 de dezembro de 2017.

O julgamento de Adilson aconteceu nesta última quinta-feira (8), em Serrinha, o crime que chocou toda a região ainda causa muita comoção.

A família de Daiane Reis, aguardava pelo julgamento e clamavam por Justiça. Adilson Prado Lima Júnior, foi condenado a 43 anos e 10 meses de prisão em regime fechado, pelos crimes de homicídio qualificado, com agravante de feminicídio, e por aborto.

O crime

Daiane foi atraída para uma armadilha horas antes de dar à luz. Adilson afirmou que gostaria de mostrá-la um terreno que havia comprado, ele pegou o carro do sogro emprestado para colocar seu plano em prática.

Ao chegar na zona rural de Serrinha, em uma localidade conhecida por Povoado do Mucuri, quando a jovem gestante desceu do carro em uma área de mata, Adilson efetuou o disparo fatal.

Adilson chegou a participar das buscas pela esposa ele procurou a delegacia e registrou o desaparecimento de Daiane.

A polícia chegou até Adilson ao verificar as imagens de câmeras de segurança da região que flagraram Adilson conduzindo o carro do sogro no local onde o corpo da jovem foi encontrado, ao ser pressionado pela polícia acabou confessando que tirou a vida de Daiane por acreditar que ela tinha um amante.