Filho que achou assassino do pai após 12 anos de buscas se emociona com mensagens de incentivo

  • Post category:NOTÍCIAS

Depois da grande repercussão do caso de Leandro Rodrigues, um líder de produção de 28 anos, que não desistiu de procurar o assassino de seu pai, após passar 12 anos.

Filho que achou assassino do pai após 12 anos de buscas se emociona com mensagens de incentivo

O crime ocorreu em Registro, localizado no interior paulista, o jovem recebeu diversas mensagens de apoio através das redes sociais e de pessoas que relatam esperar há tempos que o caso seja resolvido.

Leandro conseguiu encontrar pistas do homem suspeito de assassinar o pai durante pesquisas na internet. Após entregar à polícia e a Guarda Municipal as informações obtidas, o suspeito foi detido.

Ele destaca contando que muitas pessoas já o procuraram através de seu perfil do Facebook, relatando estar na mesma situação que ele já passou.

Um levantamento inédito que o fantástico divulgou há 2 anos que, no país, em onze estados, cerca de 70% dos homicídios que não foram resolvidos e os culpados ainda seguem livres.

Além disso, segundo as informações dos dados divulgados pelo Conselho Nacional de Justiça no ano passado, o Poder Judiciário do Brasil terminou o ano de 2020 com mais de 75,4 milhões de processos em tramitação, ou melhor dizendo, esperando por alguma resolução.

O caso de Leandro seria mais uma estatística, mas ele não desistiu de localizar o homem que tirou a vida do pai. E foi devido a sua persistência, por mais de uma década, que lhe rende muitas mensagens através das redes sociais.

Amigos de Leandro o parabenizaram depois de tudo que aconteceu e comemoraram pela justiça ter sido feita.

Relembre o caso

O assassinato do pai de Leandro aconteceu em 2010. Ele ainda era um adolescente, e o pai dele, Elder Alves, tinha 38 anos.

Na época do crime, Elder havia ido até à delegacia para registrar um bo contra o suspeito, que havia o agredido fisicamente e estava o ameaçando de morte.

Entretanto, ele foi atingido por 2 disparos, a poucas quadras do distrito policial. Um dos tiros acabou atingindo o coração e infelizmente não resistiu.

Depois que as investigações se iniciaram, foi decretado pela justiça a prisão do homem, porém ele se encontrava foragido. Mas ele nunca desistiu de encontrar o culpado.

Em certo dia, ele estava realizando uma busca através da internet e descobriu que o suspeito havia aberto uma empresa usando seu nome verdadeiro no município de Acaraju, mas, utilizou um telefone de Curitiba.

Através de um pix enviado para o número, Leandro conseguiu descobrir o nome da companheira do suspeito, e achar o perfil dos dois nas redes sociais.

Após isso, repassou todas as informações que descobriu para as autoridades, o homem foi encontrado e detido.