Chitãozinho escancara briga com Xororó, fim da dupla e confirma desfecho: “Muito diferentes”

Com 50 anos de carreira, Chitãozinho e Xororó tornaram-se uma das duplas mais queridas no mundo sertanejo. No entanto, engana-se aqueles que acreditam que eles nunca tiveram problemas.

Em suma, os cantores falaram sobre a trajetória na música durante uma entrevista para Piunti.

Durante o bate-papo, os famosos foram questionados sobre atritos. “Briga foi algo que existiu a ponto de quase ter que pensar em parar?”, disse Piunti.

De acordo com Chitãozinho, eles nunca tiveram brigas intensas. “Não, a gente sempre apoiou o outro”, começou ele, falando sobre um possível fim da dupla. 

Na sequência, o cantor confessou que os irmãos sempre foram muitos unidos, uma vez que possuem só dois anos de diferença.

No entanto, o famoso confessou que possuí um jeito extremamente diferente de Xororó. 

“Nós somos muito diferentes de comportamento, mas, a gente respeita o lado do outro. Eu não invado a particularidade dele e ele nunca invadiu a minha”, disse Chitãozinho.

Xororó então complementou a fala do parceiro: “A gente aprendeu isso muito cedo, o meu espaço começa quando o dele termina”.

Porém, mesmo se dando tão bem, os cantores já chegaram a brigar feio antes de subirem no palco. 

A gente já chegou a subir no palco P da vida um com o outro, porém, a música nos une”, disse Xororó.

Chitãozinho confessou que a música sempre foi o laço entre os irmãos: “Quando começa o show vira outra coisa, parece uma entidade. É como um casamento, sempre prevalecer o respeito e a admiração”.

CONFIRMA DOENÇA

No último sábado, 23, Xororó anunciou que testou positivo para a Covid-19. Por conta disso, ele teve que se afastar dos palcos.

No fim de semana, os cantores se apresentariam ao lado de LeonardoZezé Di Camargo e Luciano na turnê “Amigos”.

Mas, como o show deve continuar, o pai de Sandy foi substituído por Edson, da dupla com Hudson.