Após relatar assédio, influencer do PA diz que empresa ameaçou processa-la

A influenciadora digital Beatriz Fernandes usou as redes sociais nesta segunda-feira para denunciar uma série de assédios em vias públicas em Santarém, oeste do Pará.

Após relatar assédio, influencer do PA diz que empresa ameaçou processa la

A jovem disse que depois de denunciar o assédio, foi informada que a empresa ameaçou processá-la por sua exposição nas redes sociais.

Segundo Bia Fernandes, ela sai pela manhã da casa do namorado para passear com o cachorro.

Ao passar em frente a uma empresa, foi constrangida por um grupo formado por homens que trabalham nessa empresa, e que de acordo com ela se reuniram para assediá-la.

Segundo a jovem, os homens olharam para ela com malícia e começaram a assediá-la com cânticos, rindo e gritando. Beatrice disse que estava nervosa e envergonhada e não respondeu a princípio.

A influenciadora também disse que ficou tão irritada que acabou voltando em seu carro e refutou o que os homens haviam dito, enquanto eles entravam na empresa um a um.

Poucas horas após o assédio, Biya voltou a falar sobre o caso. A celebridade da internet disse que seu namorado foi até a empresa para denunciar seu assédio.

O gerente da agência disse aos jovens que os trabalhadores seriam punidos, mas Biya também seria processado pela exposição da empresa.

A jovem relatou que queria um pedido de desculpas da empresa, não um processo, mas ficou tranquila porque acreditava estar fazendo a coisa certa diante do assédio sofrido.

A influenciadora afirmou que espera um pedido de desculpa, e jamais imaginou que receberia a ameaça de ser processada.